terça-feira, 17 de outubro de 2006

PEQUENA CANÇÃO
(À MENINA QUE AMANHECE MEUS GIRASSÓIS)

abro buracos no céu
pra ter você
mais perto dos sonhos

desenho trilha de nuvens
pra que a chuva
caia sob teus pés

enfeito de sol os teus olhos
pra que as sombras
repousem longe de ti

arremesso pirilampos ao acaso
pras estrelas cadentes
colorirem o teu mar

(sobrevive em mim a insensatez da poesia)

Um comentário:

Sol disse...

Com os pés molhados de chuva e o sol irradiando dentro dos olhos a menina sorri em agradecimento às estrelas.